Aqui est√° o Samsung Galaxy S8!

Evan Blass, mais conhecido como @evleaks, √© um dos leakers mais confi√°veis ‚Äč‚Äčda rede e, se necess√°rio, ele o reiterou nessas horas, publicando em seu perfil do Twitter o provoca√ß√£o iminente Samsung Galaxy S8. A imagem parece oficial, provavelmente proveniente de algum documento destinado √† imprensa, mas surgiu prematuramente, portanto, a confiabilidade parece alta.

C5zFzC5U0AIiwFH

A imagem, portanto, confirma duas coisas: que a apresenta√ß√£o acontecer√° no dia 29 de mar√ßoagora em menos de um m√™s, mas acima de tudo reafirma a apar√™ncia do Galaxy S8, especialmente no que diz respeito √† frente. Como voc√™ pode ver na imagem, n√£o apenas a tela frontal √© curvada duas vezes como o Edge atual, mas mostra o quadros inferiores e superiores reduzidos ao m√≠nimo essencial. Na parte superior, em particular, h√° apenas o espa√ßo para hospedar a c√Ęmera, o sensor de luz ambiente e um terceiro sensor, que neste momento poderia realmente ser em todos os aspectos o j√° antecipado scanner de √≠ris nos moldes dos utilizados na Nota 7 falecida.

Na parte inferior, no entanto, n√£o h√° nada, confirmando a remo√ß√£o do bot√£o home com o sensor de impress√£o digital e o prov√°vel uso de chaves virtuais. Obviamente, faltando uma foto na parte de tr√°s, n√£o podemos confirmar que o leitor de impress√£o digital foi realmente movido na capa, de lado para a c√Ęmera – uma posi√ß√£o altamente discutida do ponto de vista ergon√īmico – mas √© muito prov√°vel que esse seja o caminho a seguir, em vez da ado√ß√£o alguma tecnologia para integrar suas fun√ß√Ķes no pr√≥prio display.

galaxy s8 plus 1280x1067

A galáxia S8 da Samsung lembra que não deve mais ter uma versão plana, apresentando dois modelos com diagonais de tela SuperAMOLED QHD ainda maiores (5,8 e 6,2 polegadas), enquanto no interior deve hospedar o Snapdragon 835 ou o Exynos 8895, dependendo dos mercados Finalmente, uma nova tecnologia, semelhante ao Microsoft Continuum, deve ser introduzida para usar o smartphone como um PC, conectando-o à tela e ao teclado e talvez até como um assistente virtual revolucionário.