Apple e Qualcomm, muitas por causa de uma batalha infinita

A batalha legal entre Apple e Qualcomm ontem foi enriquecido com um novo cap√≠tulo. A gigante de Cupertino ter√° que pagar US $ 31 milh√Ķes aos cofres da empresa de San Diego por violar tr√™s patentes no smartphone. Este √© um valor baseado nas estimativas de vendas do iPhone entre julho de 2017 e outono de 2018, calculando uma comiss√£o de US $ 1,40 por dispositivo.

O vice-presidente executivo da Qualcomm, Don Rosenberg, interveio sobre o assunto, segundo o qual o veredicto (pronunciado pela juíza norte-americana Dana Sabraw) representa uma importante vitória, reafirmando como, segundo ele, a Apple é responsável pelo uso das tecnologias da empresa de San Diego (notas de patentes) sem pagar. Uma situação complexa, portanto, que começa há dois anos.

Ontem √© de fato a evolu√ß√£o mais recente (mas n√£o ser√° a √ļltima) da hist√≥ria que v√™ as duas empresas se oporem a uma quest√£o de patentes que se arrasta desde o in√≠cio de 2017. A Apple sempre usou chips da Qualcomm no iPhone, exceto para come√ßar a se juntar √† Intel a partir de 2016, com o in√≠cio da batalha legal, e depois abandon√°-los totalmente nos modelos do ano passado. Al√©m disso, nos Estados Unidos, a situa√ß√£o sempre foi favor√°vel √† empresa Cupertino, pelo menos at√© ontem: os ju√≠zes haviam de fato estabelecido como a Qualcomm mantinha uma posi√ß√£o monopolista, obrigando-a a tamb√©m conceder licen√ßas aos concorrentes.

De fato, foi a den√ļncia das autoridades americanas que desencadeou o primeiro movimento da empresa Cupertino. A Apple se comprometeu recentemente a resolver a proibi√ß√£o de comercializa√ß√£o de iPhones nos territ√≥rios chin√™s e alem√£o: no primeiro caso, interveio com uma atualiza√ß√£o de software; no segundo, suspendeu a venda inicialmente, apenas para retom√°-la comercializando apenas dispositivos equipados com chips Qualcomm, como dissemos no artigo dedicado.

Além disso, a empresa de San Diego detém uma infinidade de patentes e, em cada país, os juízes são chamados a se expressar separadamente em cada uma delas. Por exemplo, conforme relatado pelo Financial Times, mesmo na Alemanha, o gigante de Cupertino havia resolvido um primeiro obstáculo com uma atualização de software, exceto que, como já mencionado, teve que suspender a venda do iPhone 7 e iPhone 8.

Nesse cen√°rio, ele tamb√©m mudou Intel, fornecedor de modems para os mais recentes iPhones, que ao lado da Apple atrav√©s de um comunicado de imprensa emitido em dezembro, que indica como a Qualcomm est√° simplesmente tentando “sufocar a competi√ß√£o” Em suma, uma situa√ß√£o em evolu√ß√£o, tamb√©m porque alguns dos processos judiciais ainda est√£o em andamento. A sensa√ß√£o, no entanto, √© que dificilmente pode haver uma reconcilia√ß√£o entre as duas empresas no horizonte.