Apple, chega uma revolução para os afiliados da App Store

Apple reduziu em 64% as comiss√Ķes de afiliados da App Store. Esta √© uma verdadeira revolu√ß√£o, com a empresa sediada em Cupertino que, de fato, mudou completamente o modelo de neg√≥cios de muitos realidade. Uma decis√£o que tamb√©m contradiz as receitas geradas pela loja de aplicativos da apple.

Nesse sentido, é apropriado recordar os dados de 2016. Em julho do ano passado, de fato, o Loja de jogos do Google gravado o dobro de downloadsLoja de aplicativos. Apesar desses dados, no entanto, a plataforma de maçã gerou mais que o dobro dos lucros (e em alguns trimestres ainda mais), certificando como a estratégia comercial da empresa Cupertino continua funcionando.

Receita da App Store
Comparação entre Play Store e App Store no segundo trimestre de 2016

Não é por acaso que existem trimestres em que, considerando as receitas globais do mercado de smartphones (incluindo, além da venda dos dispositivos, também a dos vários serviços, incluindo aplicativos), A Apple também consegue obter 94% dessas receitas, como aconteceu, por exemplo, durante o terceiro trimestre de 2016.

Uma estrutura global que dificulta a escolha ma√ß√£ cortar comiss√Ķes aos afiliados Loja de aplicativospassando de 7% a 2,5%. Querendo dar um exemplo concreto, um site que analisar√° qualquer aplicativo inserindo o link direto no artigo, voc√™ ver√° o ganho decorrente de cada compra reduzido em 64%, obviamente comparado ao que aconteceu antes dessa remodela√ß√£o.

Correio da App Store
O email enviado pela Apple para afiliadas

No email enviado √†s partes interessadas, ma√ß√£ esclarece como todos os outros conte√ļdos (livros, m√ļsicas, filmes) continuar√£o a garantir 7%. As condi√ß√Ķes para se registrar tamb√©m permanecer√£o v√°lidas Apple Music, que garante uma taxa √ļnica de 50% para novos assinantes que decidem se inscrever no prazo de 30 dias ap√≥s a visita a um site.

N√£o h√° d√ļvida de que a prolifera√ß√£o dos chamados “Compras dentro do aplicativo” mudou significativamente esse mercado. somente ma√ß√£ se viu envolvido em v√°rias quest√Ķes relacionadas a esse fen√īmeno. Basta lembrar a soma de US $ 32,5 milh√Ķes concordou com o Comiss√£o Federal de Com√©rcio (FTC), que a empresa Cupertino precisou fornecer em 2014 para compensar todos os clientes que n√£o haviam autorizado compras dentro dos aplicativos feitos por seus filhos menores.

Leia também: Ação coletiva contra a Apple para compras no aplicativo

Isso empurrou ma√ß√£ introduzir uma regulamenta√ß√£o mais rigorosa Loja de aplicativos em rela√ß√£o √†s indica√ß√Ķes do pre√ßo dos pedidos. Hoje n√£o √© mais poss√≠vel inserir r√≥tulos como “Gratuito” ou “Desconto” no nome do aplicativo aprovado, pois eles s√£o recusados ‚Äč‚Äčpela empresa Cupertino.

Apesar da prolifera√ß√£o de Compras dentro do aplicativo, o modelo de neg√≥cios deLoja de aplicativos n√£o estava nem um pouco danificado. Imagine como, em 2014, a loja da Apple gerou Receita 70% mais do que a Play Store, uma porcentagem que subiu para 75% no in√≠cio de 2016. Apenas um n√ļmero parece estar destinado a mudar ao longo do tempo, ou seja, o volume de neg√≥cios.

Loja de aplicativos
Previs√Ķes para lojas de aplicativos at√© 2021

Considerando de fato a an√°lise de Annie app, em 2017, a receita gerada por lojas de aplicativos Android de terceiros atingir√° i 20 bilh√Ķes de d√≥lares, permitindo assim ultrapassar Loja de aplicativos em rela√ß√£o ao faturamento e receitas acumuladas. No entanto, a perspectiva para a qual o √ļnico parece ainda distante Loja de jogos pode exceder a loja da Apple em receita.

Um quadro extremamente complexo, que atesta como a estrat√©gia comercial estabelecida pela ma√ß√£ nos √ļltimos anos, realmente valeu a pena, apesar de, no mercado de smartphones, a empresa Cupertino apresentar apenas dois novos modelos a cada ano. Tudo com o devido respeito aos afiliados Loja de aplicativos.

Atualização de 9 de maio de 2017

Pelo portal Recursos de afiliados do iTunes, chegou um esclarecimento oficial de ma√ß√£. A empresa Cupertino esclareceu como a redu√ß√£o de 7% para 2,5% diz respeito apenas √†s comiss√Ķes relacionadas √†s compras no aplicativo no contexto do iOS.

Portanto, comiss√Ķes por aplicativo para iOS, bem como para aplicativos MAC, para compras no aplicativo MAC, para ebooks, m√ļsicas e filmes. Uma importante interven√ß√£o de ma√ß√£, que p√Ķe fim ao barulho que surgiu em torno dessa hist√≥ria.

A prop√≥sito, considerando como Compras dentro do aplicativo dentro iOS s√£o frequentemente representados por renova√ß√Ķes e assinaturas, √© evidente que a redu√ß√£o de 7% para 2,5% definitivamente assume um sentido mais completo. Um esclarecimento, portanto, consistente com o desejo claro de continuar apoiando todo o ecossistema Loja de aplicativos, confirmado repetidamente pela administra√ß√£o da empresa Cupertino.