Android Q, uma primeira vers√£o antecipa algumas novidades: o modo escuro est√° presente

Xda Developers ela conseguiu colocar as m√£os uma compila√ß√£o da pr√≥xima vers√£o do Android e instal√°-lo em um Pixel 3 XL. Obviamente, todas as personaliza√ß√Ķes e aplicativos est√£o ausentes, mas algumas not√≠cias importantes s√£o evidentes, incluindo um tema sombrio, a possibilidade de gravar a tela, gerenciar permiss√Ķes em tempo real e muito mais.

O Android Q ter√° um tema padr√£o escuro, uma possibilidade que tamb√©m foi discutida nos √ļltimos meses. O pr√≥prio Google afirmou que cores escuras economizam energia da bateria. A op√ß√£o est√° dispon√≠vel nas configura√ß√Ķes e o usu√°rio pode escolher se deseja mant√™-lo ativo ou se √© ele ser√° ativado automaticamente de acordo com as horas definidas do dia. O Google tamb√©m ofereceu aos desenvolvedores uma op√ß√£o para permitir a integra√ß√£o do modo escuro nos aplicativos que n√£o o suportam nativamente.

A nova vers√£o do rob√ī mostra aten√ß√£o especial tamb√©m ao quest√£o de privacidade. A parte dedicada √†s permiss√Ķes do aplicativo foi modificada, tornando-o mais r√°pido e intuitivo. Al√©m disso, voc√™ pode optar por permitir uma certa permiss√£o apenas quando o aplicativo estiver em uso. Existem outras fun√ß√Ķes que, no entanto, n√£o eram funcionais.

Entre estes, h√° gravador de ecr√£ o que deve permitir a grava√ß√£o da tela e tamb√©m a op√ß√£o “For√ßar modo de √°rea de trabalho”, que deve funcionar de maneira semelhante ao modo de desktop Samsung DeX ou Huawei. Em poucas palavras, seria uma maneira de usar seu smartphone como √°rea de trabalho quando conectado a um monitor. Lembre-se, no entanto, que √© uma constru√ß√£o e – portanto – todos esses recursos podem n√£o estar presentes quando o Android Q for lan√ßado em uma vers√£o est√°vel.