A Cellebrite viola todos os dispositivos com iOS e Android

A empresa israelense Cellebrite, conhecida principalmente por seus aplicativos de violação de iPhone que funcionam com governos em todo o mundo, afirma ter desenvolvido um novo software que pode “quebrar” qualquer telefone com iOS e Android.

A empresa usou o Twitter para anunciar seu aplicativo mais recente e diz que pode recuperar qualquer informação armazenada em dispositivos iPhone ou Android, bem como dados armazenados em aplicativos de terceiros, como WhatsApp, Facebook e muito mais.

As informaçÔes publicadas no site da empresa revelam que a Cellebrite também pode obter acesso a dados que jå foram excluídos de cada telefone ou até mesmo recuperar informaçÔes de dispositivos danificados.

“Ignorando o bloqueio e a execução de arquivos em todo o sistema em qualquer dispositivo iOS ou extraindo fisicamente um sistema de arquivos (arquivos raiz criptografados) em muitos dispositivos Android de alta tecnologia”, diz Cellebrite.

“Acesse dados de aplicativos de terceiros, bate-papos, e-mails e anexos, conteĂșdo excluĂ­do e muito mais, aumentam suas chances de encontrar as evidĂȘncias de culpa.”

A Cellebrite, que diz que sua oferta está disponível apenas para governos que tentam desbloquear dispositivos usados ​​por criminosos ou terroristas, diz que seu aplicativo funciona perfeitamente com dispositivos Apple executando o iOS 7 ao iOS 12.3, assim como a maioria. de dispositivos Android de alta tecnologia fabricados pela Samsung, Huawei, LG, Xiaomi e Motorola.

Cellebrite

A empresa israelense alega que seus aplicativos não devem cair nas mãos erradas, para proteger exploraçÔes, pois os fabricantes de smartphones tentam corrigir vulnerabilidades de segurança.

A Apple jå tentou lidar com os produtos de hackers da Cellebrite com muitas atualizaçÔes no iOS, mas também com um novo recurso que bloqueia o tempo de conexão USB em iPhones bloqueados.

Vale ressaltar que a empresa de hackers foi vĂ­tima de hackers em 2017.