A Apple pagar√° aproximadamente 500 milh√Ķes de euros √†s autoridades fiscais francesas, tendo chegado a um acordo para remediar 10 anos de evas√£o

Apple pagar√° cerca de 500 milh√Ķes de euros para remediar sua situa√ß√£o com as autoridades fiscais francesas. O jornal Express e v√°rias ag√™ncias de not√≠cias confirmaram que a negocia√ß√£o estava em andamento h√° meses e um acordo foi alcan√ßado entre as partes apenas em dezembro. L√° Direction des V√©rifications Nationales et Internationales concentrou-se na situa√ß√£o fiscal de 10 anos, mas infelizmente os detalhes n√£o foram divulgados.

A Associated Press tentou obter explica√ß√Ķes desde Direc√ß√£o Geral de Finan√ßas P√ļblicas (DGFIP) e de Ministre charg√© du Budget mas a √ļnica resposta foi que existe um “segredo fiscal” no momento.

“As autoridades fiscais francesas conclu√≠ram recentemente uma auditoria plurianual das contas francesas da empresa e o ajuste ser√° refletido em nossas contas p√ļblicas”, confirmou a Apple √† AFP, sem especificar o valor. “Conhecemos o importante papel que os impostos desempenham na sociedade e pagamos impostos em todos os pa√≠ses em que operamos, em total conformidade com as leis e pr√°ticas locais”.

Segundo a L’Express, a Apple contornou os impostos franceses ao ser tributada na Irlanda, onde est√° sediada. Um mecanismo conhecido usado por v√°rios gigantes dos EUA que operam na Europa e que no futuro pode ser interrompido por uma regulamenta√ß√£o ad hoc.

Lembre-se de que este contrato assinado com a Apple ocorre cerca de um ano ap√≥s o firmado com a Amazon, que no entanto se referia ao per√≠odo 2006-2010. Na √©poca, a gigante do com√©rcio eletr√īnico concordou em pagar cerca de 202 milh√Ķes de euros para encerrar o assunto.

N√£o est√° exclu√≠do que a compara√ß√£o entre a Apple e a francesa Fisco tenha acelerado acentuadamente tamb√©m devido ao “imposto Gafa” (Google, Amazon, Facebook, Apple). Espera-se que o regulamento relacionado seja aprovado at√© o final de fevereiro e estima-se que possa trazer cerca de 500 milh√Ķes de euros por ano para os cofres estaduais.